Acessos: 1555

Qual de nós nunca escutou que nossa família, nosso próximo são os irmãos da Igreja. Que são eles que devemos sempre amparar. Que se algum parente, amigo, colega de trabalho está em necessidade e não vai a Igreja é cobrança de Deus e não devemos interferir. E por aí vai.... uma infinidade de frases absurdas sem embasamento bíblico algum, que distorcem completamente a Palavra de Deus. Não que os amados não sejam, mas quero deixar claro neste estudo que não são os únicos.

Quando Jesus foi questionado sobre quem é o nosso próximo, em sua infinita sabedoria ele narra uma linda Parábola, onde o principal integrante é uma das pessoas que faz parte de um dos povos mais odiados pelos judeus: “UM SAMARITANO”.

Para entendermos melhor esta parábola, peço aos abençoados que leiam 2 Reis 17: 24 – 41.

Creio que após esta leitura os amados viram porque era considerado pecado manter contato com um samaritano. Mas voltando a Parábola descrita em  Lucas 10: 30 – 37, o Samaritano se torna o principal personagem.

Um homem descia de Jerusalém para Jericó e caiu nas mãos de assaltantes. Tudo leva a crer que era um homem religioso, (um judeu). Como se não bastasse ser roubado, ainda foi espancado e deixado na estrada quase morto.

O primeiro homem que passa e vê o homem surrado é um Sacerdote (um representante de Deus na Terra, um Pastor, Bispo, Apóstolo, etc). Passa e não tem interesse algum em ajudar o homem ferido. Não sente nada, ao avistar o corpo, passa do outro lado.

O segundo homem diz Jesus, é um Levita (um homem santo segundo a Lei, nos dias de hoje um músico, cantor, etc), mas sua posição é a mesma a do homem anterior, passa do outro lado sem a menor compaixão.

Enfim, passa o personagem principal. Um homem rejeitado pelos religiosos, julgado e apontado por todos. Este homem pode ser considerado como as pessoas que não frequentam igrejas, possuem vícios, divorciados, etc. Este homem, ao avistar o assaltado, faz totalmente o oposto àqueles que passaram anteriormente e que pela LEI eram considerados superiores.

  1. Enfaixou-lhe as feridas;
  2. Derramou sobre elas vinho e óleo;
  3. Colocou-o sobre seu animal e levou-o a uma hospedaria;
  4. Pagou o hospedeiro;
  5. E firmou um compromisso que se ficasse alguma dívida na volta da viagem pagaria o resto;

Jesus então faz a pergunta crucial aos fariseus. Qual destes três lhes parece ser o próximo? Sem dúvida alguma “O SAMARITANO”.

Diante deste fato amados, abençoados e eleitos do Senhor, devemos reavaliar nossos conceitos. “ Deus nunca nos apresenta ninguém em vão”. Seja ele um vizinho, colega de trabalho, de escola, parente, pertencente a uma denominação ou NÃO! Estejamos sempre atentos, pois o nosso próximo podem estar precisando urgentemente de ajuda e nós estamos passando do outro lado.

GLÓRIA A DEUS POR VOSSAS VIDAS!

Onde Estamos

Entre em Contato

Email 
Nome 
Assunto 
Mensagem 
Quais letras estão aparecendo? dekpnyae Previna o SPAM!
    
Desenvolvimento - Flex Hosting (11) 2812-8213 - Todos os direitos reservados.